InícioInício  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Szomorú Vasárnap

Ir em baixo 
AutorMensagem
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Szomorú Vasárnap   Sex Abr 13, 2012 6:39 am

"Szomorú Vasárnap" (em português "Domingo Sombrio" ou "Domingo Lúgubre", também conhecida pela versão em inglês "Gloomy Sunday") é uma canção escrita pelo pianista e compositor autodidata húngaro Rezső Seress em 1933. De acordo com uma lenda urbana, inspirou centenas de suicídios. Quando a canção foi comercializada nos Estados Unidos, ficou conhecida como a canção húngara do suicídio. Não há nada de substancial que corrobore tais afirmações, pois nenhuma dessas alegações surge publicada na imprensa ou em quaisquer outras publicações da época.
Inúmeras versões da canção foram gravadas e lançadas. Michael Brooks escreveu nas notas de capa de um conjunto de 10 CDs; "Lady Day" – the Complete Billie Holiday on Columbia, 1933–1944, o seguinte:

"Gloomy Sunday chegou à América em 1936 e, graças a uma brilhante campanha publicitária, ficou conhecida como A Canção Húngara do Suicídio. Supostamente, depois de a ouvirem, amantes perturbados seriam compelidos a saltar da primeira janela que encontrassem, mais ou menos como os investidores depois de Outubro de 1929; ambas as histórias são em grande parte mitos urbanos."

Letra em húngaro
Szomorú vasárnap
száz fehér virággal
vártalak kedvesem
templomi imával.
Álmokat kergető
vasárnap délelőtt,
bánatom hintaja
nélküled visszajött.
Azóta szomorú
mindig a vasárnap,
könny csak az italom,
kenyerem a bánat.

Szomorú vasárnap.
Utolsó vasárnap
kedvesem gyere el,
pap is lesz, koporsó,
ravatal, gyászlepel.
Akkor is miránk vár,
virág és – koporsó.
Virágos fák alatt
utam az utolsó.
Nyitva lesz szemem, hogy
még egyszer lássalak.
Ne félj a szememtől,
holtan is áldalak…
Utolsó vasárnap.

Letra em português

Domingo Sombrio
É outono e as folhas estão caindo
Todo o amor morreu na Terra
O vento está chorando com lágrimas de tristeza
Meu coração nunca vai esperar uma nova primavera novamente
Minhas lágrimas e meus sofrimentos são em vão
As pessoas são insensíveis, gananciosas e más...

O amor morreu!
O mundo chegou ao seu fim, a esperança deixou de ter um significado
As cidades estão sendo exterminadas, Estilhaços fazem música
Prados estão coloridos de vermelho com sangue humano
Há pessoas mortas nas ruas em todos os lugares
Direi outra oração silenciosa:
As pessoas são pecadoras, Senhor, elas cometem erros...
O mundo acabou!

fonte: Wiki
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Szomorú Vasárnap
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Recanto dos Curiosos :: Noticias e Curiosidades :: Curiosidades Pelo Mundo :: Sobrenatural-
Ir para: