InícioInício  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe
 

 Seres Mitológicos - Quimera e Manticore

Ir em baixo 
AutorMensagem
Convidad
Convidado



Seres Mitológicos - Quimera e Manticore Empty
MensagemAssunto: Seres Mitológicos - Quimera e Manticore   Seres Mitológicos - Quimera e Manticore EmptySeg Abr 09, 2012 10:16 am

- Quimera é uma figura mística caracterizada por uma aparência híbrida de dois ou mais animais e a capacidade de lançar fogo pelas narinas, sendo portanto, uma fera ou besta mitológica.
Oriunda da Anatólia e cujo tipo surgiu na Grécia durante o século VII a.C., sempre exerceu atração sobre o imaginário popular. De acordo com a versão mais difundida da lenda, a quimera era um monstruoso produto da união entre Equidna - metade mulher, metade serpente - e o gigantesco Tífon.
Outras lendas a fazem filha da hidra de Lerna e do leão de Neméia, que foram mortos por Hércules. Criada pelo rei de Cária, mais tarde assolaria este reino e o de Lícia bafejando fogo incessantemente, até que o herói Belerofonte, montado no cavalo alado Pégaso, conseguiu matá-la.
Com o passar do tempo, chamou-se genericamente quimera a todo monstro fantástico empregado na decoração arquitetônica.
Em Alquimia, é um ser artificial (assim como o homúnculo), criado a partir da fusão de um ser humano e animal.
Figurativamente ou em linguagem popular mais ampla, o termo quimera alude a qualquer composição fantástica, absurda ou monstruosa, constituída de elementos disparatados ou incongruentes, significando também utopia. A palavra quimera, por derivação de sentido, significa também o produto da imaginação, um sonho ou fantasia (por exemplo: A Quimera de Ouro).
Sua aparência é descrita de forma diversa nas várias narrativas mitológicas ou nas artes plásticas. Por exemplo:
Cabeça e corpo de leão, com duas cabeças anexas, uma de cabra e outra de serpente;
Cabeça e corpo de leão, com duas cabeças anexas, uma de cabra e outra de dragão;
Duas cabeças ou até mesmo uma cabeça de leão, corpo de cabra e cauda de serpente.

- Manticore ou Manticora
Manticora é uma criatura mitológica, semelhante às quimeras, com cabeça de homem - por vezes com chifres, três afiadas fileiras de dentes de ferro e com voz trovejante - e corpo de leão (geralmente, com pêlo ruivo) e cauda de escorpião ou de dragão com a qual pode disparar espinhos venenosos. Em algumas descrições, aparece com asas, variando as descrições, no que diz respeito às suas dimensões: desde o tamanho de leão até ao de cavalo.
Originária da mitologia persa, onde era apresentada como um monstro antropófago, o termo que a identifica tem também origem na língua persa: de martiya (homem) e khvar (comer). A palavra foi depois usada pelos gregos, na forma Mantikhoras, que deu origem ao latim Mantichora. A figura passou a ser referida na Europa através dos relatos de Ctésias, de Cnidos, um médico grego da corte do Rei Artaxerxes II, no século IV a.C., nas suas notas sobre a Índia ("Indika"). Esta obra, muito utilizada pelos escritores gregos de História Natural não sobreviveu até à actualidade. Plínio, o Velho incluiu-a na sua História Natural. Mais tarde, o escritor grego Flávio Filóstrato mencionou-a na sua obra Vida de Apolônio de Tiana (livro III, capitulo XLV).
Até hoje, muitas histórias de pessoas desaparecidas na Índia são ligadas as Manticoras, mas que hoje sabemos que, na verdade, os responsáveis pelos desaparecimentos eram os tigres.

fonte: Wiki
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Seres Mitológicos - Quimera e Manticore
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» TOP 5 - Jogos estratégicos
» Quarta, 27/08/14
» Quarta-Feira 02/04 - Manticore
» Manticore, 15/07
» Top 5 - Jogos Mágicos

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Recanto dos Curiosos :: Noticias e Curiosidades :: Curiosidades Pelo Mundo :: Sobrenatural-
Ir para: